A natação sempre foi conhecida por seus benefícios no que diz respeito ao aparelho respiratório. O que muita gente não sabe é que natação emagrece e proporciona diversas outras melhorias.

O gasto calórico na natação é de até 600 Kcal/hora, com um bom ritmo e intensidade nos treinos. Cair na piscina estimula os batimentos cardíacos, favorecendo o metabolismo e o emagrecimento.

Para isso, é fundamental trabalhar constantemente a musculatura, de forma que ela não entre em uma espécie de rotina.

Quem nada os quatro estilos (crowl, costas, peito e borboleta) potencializa os efeitos da atividade, já que passa a estimular realmente todos os grupamentos musculares.

Assim, podemos aproveitar esse esporte considerado completo, ajudando a definir coxas, abdômen, braços, costas, cintura, etc. Veja o que mais a natação pode fazer por nossa saúde:

  • Coração – a natação emagrece e ainda atua sobre a gordura que circula o coração, promovendo a passagem de sangue para os demais órgãos. A atividade também auxilia na redução de doenças cardíacas, pois fortalece as estruturas.
  • Pulmões – dar umas boas braçadas dentro d´água otimiza o funcionamento dos pulmões e dos músculos da caixa torácica.

Com isso, a natação emagrece e melhora a capacidade aeróbica, já que uma grande quantidade de oxigênio é requerida.

  • Articulações – com a natação, a lubrificação dos tendões e a flexibilidade aumentam. Não é à toa que o esporte é indicado para quem sofre de artrose.
  • Lesões – a água diminui as chances de lesões e dores, pois não há impacto com o solo.
  • Envelhecimento – a ciência já comprovou que a natação reduz os sintomas de envelhecimento. Tanto é que ao nadar em média cinco quilômetros por dia, durante um bom período de tempo, é possível retardar o envelhecimento em até 25 anos.
  • Reflexos e Condicionamento físico – ao nadar regularmente, a pessoa melhora os reflexos e o condicionamento.
  • Mente – a natação é uma verdadeira mistura de lazer, atividade física e válvula de escape contra o estresse. Proporciona alívio para quadros de ansiedade, depressão e muitos outros problemas de saúde mental.
  • Postura – natação emagrece, aumenta a flexibilidade da coluna e alivia a dor.
  • Circulação – praticar natação, de 30 minutos a 1 h, moderadamente, pelo menos duas vezes por semana, facilita o transporte de nutrientes e oxigênio para as células.

Leitura complementar:

Natação emagrece, mas para funcionar bem precisa de cuidados

Veja como aproveitar melhor esse esporte democrático, que pode ser praticado dos primeiros meses de vida à terceira idade, minimizando desconfortos e enfermidades:

  • Tenha acompanhamento profissional, de preferência monitorado por um professor de educação física.
  • Se for nadar em local aberto, use filtro solar.
  • Proteja seus olhos com óculos de natação, para evitar que o cloro sensibilize sua visão.
  • Tampões nos ouvidos também ajudam a cuidar melhor do seu bem-estar.
  • Aqueça o corpo antes de entrar na água.
  • Cuidado para não extrapolar limites físicos. A frequência mais alta dos batimentos cardíacos não deve ultrapassar em 75% a máxima permitida. Mas cada caso é um caso.
  • As aulas devem ser equilibradas. Nada de forçar demais uma só parte do corpo. Por exemplo: passar uma aula inteira com palmar ou nadadeiras, ou praticar apenas um estilo de natação.

A natação emagrece e pode ser uma atividade de longa duração e baixa intensidade; ou de curta duração e alta intensidade. Depende dos objetivos que você pretende alcançar.

Se quiser ganhar mais resistência – e impulsionar sua perda de peso – uma dica é tentar nadar com uma camisa. Depois, quando for nadar sem a peça, encontrará mais facilidade.

Sem dúvidas, natação emagrece, proporciona equilíbrio muscular e até auxilia na recuperação de lesões. Uma modalidade esportiva que faz bem, literalmente, dos pés à cabeça.

Então, aproveite!

Até a próxima!