Encontrar uma atividade física que proporcione prazer e ainda afine a silhueta é tudo de bom, não é mesmo? Afinal, nem todas as pessoas gostam de correr, fazer spinning ou musculação, entre outros exercícios. Se este é o seu caso, hoje vou mostrar como dançar emagrece.

Escolha o seu ritmo e queime de 500 a mil calorias por hora. E o que é melhor: se divertindo.

  • Ballet – permite treinar, de uma só vez, força e resistência, utilizando sustentação e movimentos graciosos, enquanto os saltos facilitam a queima calórica.

Dançar emagrece e tonifica o corpo porque os braços e as pernas da bailarina estão em constante movimento; as costas e o abdômen garantem a força e o equilíbrio.

Outra boa notícia é que grande parte dos estúdios de dança dispõe de turmas para adultos iniciantes, com atividades que estimulam, além do trabalho muscular, a flexibilidade.

  • Bhangra – por meio de movimentos como encolher de ombros e elevar bastante o joelho, a Bhangra melhora o equilíbrio e auxilia no emagrecimento.

É uma dança tradicional da Índia, originalmente criada para celebrar a colheita das comunidades, sendo executada ao som de um tambor chamado de dhol.

  • Burlesca – ajuda a perder uns quilinhos enquanto você tira a roupa. Isso mesmo! É um tipo de strip tease com diversos trabalhos abdominais.

Dançar emagrece, e quando acontece de salto alto também favorece músculos nas pernas que normalmente não são desenvolvidos.

A Dança Burlesca pode ser praticada em muitos estúdios e academias de ginástica. Ou pode ser aprendida em casa mesmo utilizando um DVD.

Se você é iniciante, vá com calma na coreografia, deixando movimentos mais complexos para depois. Assim, você preserva seu pescoço e articulações.

  • Dança Africana – é um mix de alongamento, respiração e fortalecimento. Um estilo de dança para queimar calorias com ritmo que, muitas vezes, utiliza bastante as pernas e o quadril.

Na Dança Africana, os passos são criados a partir das batidas dos tambores, e ajudam a fortalecer glúteos e coxas.

Muitas academias contam com aulas aeróbicas com inspiração africana.

Leitura complementar: 

Dançar emagrece: conheça outros estilos e solte o corpo

  • Dança de Salão – embora seja mais conhecida por melhorar o equilíbrio e a coordenação, a Dança de Salão emagrece também.

É uma maneira de entrar em forma por meio de coreografias que exigem passos por toda a sala de aula, com reviravoltas e uma postura nota 10.

A Dança de Salão é perfeita para casais mais velhos ou pessoas que precisam entrar em forma, mas não gostam de malhação. Uma prova de que dançar emagrece, descontrai e aproxima as pessoas.

  • Dança do Ventre – é uma mistura rítmica de teatro e sedução, mas usa todos os músculos do núcleo do corpo.

E ainda tem mais vantagens: a Dança do Ventre queima calorias com esforço mínimo sobre as articulações; pode ser feita por pessoas de todas as idades, inclusive as lesionadas.

Quadris, peito, abdômen, ombros, costas e braços são intensamente trabalhados nessa modalidade de dança que reduz medidas e ainda ajuda a aliviar a dor lombar.

  • Hip Hop – combina elementos de jazz com passos de dança de rua. São movimentos permitem soltar o pescoço, ombros e quadris, além de favorecer o equilíbrio.

Muitos deles são feitos com os joelhos dobrados; outros, verdadeiras acrobacias. Uma forma de perceber que dançar emagrece e melhora a percepção corporal e a coordenação.

  • Zumba – uma das preferidas entre as danças para perder peso, a Zumba queima calorias e tonifica os braços. A dança requer alta energia para executar as coreografias cheias de sequências repetidas e inspirada nos ritmos latinos.

Agora é com você. Experimente uma aula diferente e entre no embalo da boa forma. Dançar emagrece, faz bem para o corpo e para a mente. Até rimou…  🙂

Sucesso, e nos encontramos no próximo artigo!